Bem Estar

Pedalando

Dizem que uma vez que a gente aprende a andar de bicicleta nunca mais esquece. Acho que deve ser como dirigir um carro, mas com o tempo… a gente cria vícios que atrapalham nosso desempenho.
Vamos aprender com a campeã mundial de ciclismo, a americana Alison Dunlap, como levar nossas pedaladas a um estágio avançado.
1) Olhos no horizonte
Mesmo quando estiver nos limites das suas forças, exausta, resista À tentação de abaixar a cabeça. Além de ser perigoso, esse movimento diminui a entrada de oxigênio nas vias aéreas e o cansaço aumenta.
2) Harmonia
Pedale em círculos fluidos em vez de empurrar os pedais para baixo utilizando uma super força. Faça flex (pés de palhaço) em vez de concentrar a força na parte posterior dos pés. Para manter o ritmo, procure fazer 90 rotações por minuto (RPM). É só contabilizar quantas vezes seu joelho direito passa pela parte de cima da pedalada durante 60 segundos. Essa cadência acelerada, porém regular, trabalha seu sistema cardiovascular e não cansa tanto seus músculos quanto se você estivesse pedalando devagar. Se puder, use as sapatilhas próprias para ciclismo, elas ajudam a transferir o peso entre os pedais e evitam que os pés fiquem sobrecarregados.
3) Postura
Primeiro, ajuste o banco da bike na altura dos ossinhos do quadril, para quando subir e pedalar não ficar balançando de um lado para o outro. Deixe o tronco firme, especialmente na subida. Mantenha as costas retas e os cotovelos flexionados e relaxados, assim como o tronco. Os braços devem estar alinhados para evitar a pressão na lombar.
4) Sentada
O ponto principal é o conforto. Seu peso deve ficar 60% no selim e 40% no guidão. A altura do banco, que explicamos no item anterior, deve deixar o joelho levemente flexionado quando o pé estiver na parte mais baixa da pedalada.
5) Em pé
Pedalar em pé exige 10% a mais de esforço físico. Bom para perder calorias, bom para momentos que exigem mais força, com uma subida. Pedalando em pé, o peso do seu copro empurra os pedais para baixo, dando mais um empurrãozinho. Mude a marcha para a mais pesada, levante-se e mantenha o bumbum encostado no banco. Fácil não é, mas é um treino e tanto para as pernas… e para o autocontrole, já que a melhor forma para pedalar é mesmo sentada.
6) Como parar
Aperte e solte os freios levemente para controlar a velocidade em vez de espemer o breque de uma só vez. Aproximadamente 75% da força para parar vem do freio dianteiro, o que fica na mão esquerda, e apertá-lo bruscamente pode fazer você voar longe, já que mesmo com os freios acionados, seu corpo continua em movimento. Lei básica da física: um corpo ques está em movimento tende a continuar em movimento.

Comece a inserir essa dicas no seu treino e avalie regularmente seu desempenho. Certamente seus tempos vão melhorar e os desafios, ficar para trás para abrir caminho para novas conquistas.

Anúncios
Padrão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s